Archive for ‘Uncategorized’

May 7, 2020

Chamada de Trabalhos – 17ª Jornada CIEP

Banner Chamada Trabalhos 17 Jornada-02

Devido à crise do COVID-19, a 17ª Jornada do Centro Internacional de Estudos Peirceanos – CIEP foi adiada e deverá ocorrer em algum momento até 31 de março de 2021, conforme prazo da CAPES para uso de recursos do Edital PAEP. Estamos atentos ao desenrolar da crise sanitária e assim que pudermos anunciaremos a nova data.

Data de realização: num momento possível e seguro para todos.

Local: PUC-SP

Contudo, seguiremos com a chamada de trabalhos para a 17ª Jornada do Centro Internacional de Estudos Peirceanos – CIEP que ocorrerá junto com o 7th Advanced Seminar on Peirce´s Philosophy and Semiotics e o 1º Encontro da Rede Brasileira de Pesquisa em Semiótica Peirceana.

Tema do evento: Lembrar Peirce?

O atual universo informacional altamente conectado levou a amplas discussões no âmbito da sociedade em geral a respeito da verdade da informação e do funcionamento dos sistemas de formação de crenças. Tais questões permeiam o universo do funcionamento dos signos e está presente nos escritos de Peirce que não discutiu os problemas do jornalismo, mas que preocupado com o universo da pesquisa científica discutiu as verdades provisórias da ciência e os métodos de fixação de crenças. Esse é apenas um exemplo de como questões abordadas por Peirce podem ser importantes para discussões atuais. Por isso, o tema escolhido para esta edição é “Lembrar Peirce?” tendo como objetivo refletir sobre como o pensamento de Peirce é relevante para entender problemas semióticos contemporâneos atravessados pelas tecnologias comunicacionais.

O resumo deve ter entre 250 e 500 palavras, título e 3 a 5 palavras-chave.

Prazo para envio do resumo: 30 de junho de 2020

Resultado da seleção: 15 de julho de 2020.

Envio pelo formulário: https://forms.gle/XhpxeuaR14xGY4Ga6

Acompanhe informações sobre o evento: https://estudospeirceanos.wordpress.com/2019/12/01/eventos_ciep_2020/

Dúvidas pelo e-mail: jornadapeirceana@gmail.com

 

August 1, 2017

Livro: Introdução à Semiótica

9788534945219

Com esta Introdução à semiótica, Lucia Santaella e Winfried Nöth apresentam os elementos da semiótica e as abordagens principais à ciência dos signos, da comunicação e das linguagens. A abordagem é pluralista. Em nove lições, o livro introduz os conceitos principais das teorias do signo e oferece um panorama abrangente das correntes mais importantes da semiótica contemporânea, com capítulos sobre C. S. Peirce, F. de Saussure, L. Hjelmslev, R. Barthes, A. J. Greimas, I. Lotman, a semiótica funcionalista e a teoria dos códigos. Os signos estão crescendo. Entendê-los tornou-se um dever a ser cumprido para a formação crítica dos estudantes. Esta Introdução auxilia os que estão envolvidos nos processos de ensino e aprendizagem acerca dos modos pelos quais a comunicação e as linguagens funcionam. O que o leitor aqui encontrará, portanto, é uma obra paradidática que, com seus conteúdos conceituais e exercícios de aplicação, foi feita para ser utilizada em situações pedagógicas, nas quais estudantes e professores interagem no intuito de compreender as linguagens, que são os meios privilegiadamente humanos de compreender o mundo.

O livro está à venda na livraria da Editora Paulus.

May 9, 2016

Temas e dilemas do pós-digital

Lucia Santaella traz a partir de sua nova obra “Temas e dilemas do pós-digital: a voz da política” mais uma importante contribuição ao cerne de um dos mais atuais debates contemporâneos no ciberespaço: o mundo digital e as táticas e estratégias de poder engendradas por meio de uma nova reconstrução social no ciberespaço. Lançado pela Paulus, o livro já está disponível nas livrarias e também on-line, no seguinte link.

avozdapolitica_sociotramas02

A teoria crítica pode ser uma práxis em si mesma, a teoria como uma maneira de potencializar a sensibilidade e a reflexão. Uma práxis que se manifesta na exposição pública do pensamento. Palavras ditas e escritas são partes materiais da realidade, dotadas do poder brando de agir sobre o mundo psíquico e social nos efeitos que produz. Sobretudo, há que levar o pensamento ao teste do tribunal da experiência, como prescreve o pragmaticismo na sua atração instintiva pelas coisas vivas. Pensar a tecnologia, nesta era do pós-digital, significa implicá-la nas táticas e estratégias do poder. O mundo digital cobra de quem se põe a pensá-lo que esse pensamento esteja mergulhado na prática, na vivência e participação, naquilo que esse mundo tem a oferecer e para que possam ser perscrutadas suas ambivalências, paradoxos e contradições. São essas facetas que este livro visou explorar dando voz à política. Deixá-la falar como meio de atravessamento das densas sombras da contemporaneidade.

Tags: ,
July 3, 2015

A Vida Secreta dos Objetos: Ecologias da Mídia

a vida secreta dos objetos

Simpósio Internacional

“A Vida Secreta dos Objetos: Ecologias da Mídia” ocorrerá em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Em São Paulo, 03 de agosto de 2015, das 9h às 18h, no TUCA.

Com a participação de 8 palestrantes (4 convidados internacionais e 4 nacionais), o Simpósio Internacional “A Vida Secreta dos Objetos” tem como respaldo o sucesso de público alcançado na primeira edição do evento, realizada em 2012.

Dado seu tamanho, abrangência e caráter eminentemente interdisciplinar, “A Vida Secreta dos Objetos” tornou-se um marco no cenário da comunicação. Tema anteriormente ligado aos sentidos das mensagens da mídia, hoje vem sendo substituído ou complementado por um renovado interesse pelos aspectos materiais e tecnológicos dos processos comunicacionais. É isso que o evento abordará.

Tecnologia e ecossistema midiático

O que unifica os palestrantes de diferentes áreas que irão se apresentar no evento é precisamente a forma como tratam o sistema da mídia a partir da questão de sua materialidade tecnológica e da noção de ecossistema midiático. Fazem isso por meio da eleição de um novo foco de interesse pela questão dos objetos e tecnologias em sua dimensão imediatamente material e não-semântica.

Nesse sentido, a obra de Bruno Latour – um autor que encontra crescente popularidade entre estudiosos de comunicação no Brasil – configura-se como central para essa geração de jovens (e não tão jovens) palestrantes de “A Vida Secreta dos Objetos”. Latour nos aponta para situação atual na qual objetos e discursos são “agentes” igualmente importantes de transformação global.

Internet das Coisas

Smartphones, aplicativos, humanos etc. que entram em choque ou formam alianças uns com os outros, por meio do crescente universo da Internet das Coisas (IoT), por exemplo.

Uma situação histórica pós-moderna na qual o futuro, agora, surge não mais como possibilidade aberta e animadora, mas como algo a ser temido tanto pelos cientistas como pela sociedade em geral, evolvidos nessas novas teias tecnológicas e de consumo.

Amplitude e riqueza dos debates

Esses breves apontamentos dão indicação da amplitude e da riqueza dos debates que têm sido travados recentemente em torno de problemáticas que deverão constituir eixos centrais do Simpósio Internacional “A Vida Secreta dos Objetos: Ecologias da Mídia”.

Lucia Santaella, presidente da Comissão Científica (São Paulo)

Erick Felinto, presidente da Comissão Científica (Rio de Janeiro)

Informações:

São Paulo: https://vidasecreta15sp.wordpress.com

Rio de Janeiro: https://vidadosobjetos.wordpress.com

Nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/AVidaDosObjetosSP

%d bloggers like this: